Sentar em W, é legal?


O hábito de sentar em W, como na foto, assumido por muitas crianças, pode gerar alterações ósseas, ortopédicas e no desenvolvimento motor. As crianças, durante o crescimento, assumem diversas formas de sentar, seja para brincar, ou como forma de explorar os limites do seu corpo. A passagem pela postura em W ou a transição de posturas com a utilização desta forma, desde que pontual e não mantida, não costuma gerar malefícios. Porém, pode se tornar um problema caso seja utilizada de forma repetida e mantida, com possíveis alterações no equilíbrio postural, desequilíbrios musculares, risco para luxação de quadril e alteração no crescimento ósseo. Devemos, sempre, manter a atenção para a forma que a criança senta. Quando a postura está sendo utilizada por crianças menores, os cuidadores devem, de forma lúdica, mudar a forma como ela está sentada. Já no caso de crianças maiores, devemos corrigir e explicar sobre a possibilidade de "machucar", estimulando-a a sentar de forma adequada. Nestes casos é interessante realizar a avaliação com ortopedista e fisioterapeuta para identificar possíveis motivos para uso da postura, pois em alguns casos é necessário tratamento com fisioterapia ou terapia ocupacional. Ter atenção e cuidado é a melhor forma de prevenir problemas que podem aparecer, relacionados a esta postura, ainda na infância, ou que só vão se tornar mais evidentes na adolescência ou idade adulta.

#maternidade #puerpério #crianças #filho #fisioterapia #fisioterapiapediátrica #sentaremw #posiçãow

70 visualizações
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon

© 2015 a mama |todos os direitos reservados|